Tag Archive | sexualidade

Facebook é citado em mais de 1/3 dos divórcios nos EUA

Mark Zuckerberg aderiu ao casamento no sábado, quando trocou alianças com sua namorada há mais de nove anos, Priscilla Chan. O mesmo criador do Facebook que se casa agora, entretanto, é um dos responsáveis por pelo menos 1/3 dos divórcios nos EUA.

O Wall Street Journal divulgou nesta segunda uma pesquisa que afirma que mais de 1/3 dos divórcios nos EUA tem a palavra “Facebook” citada no processo. O estudo é da Divorce Online, uma empresa de advogados.

Além disso, nada menos que 80% dos advogados que cuidam dos processos de separação afirmam que está crescendo o número de divórcios por conta das redes sociais, segundo dados da Academia Americana de Advogados Matrimoniais.

Por que? Ao contrário de casos extraconjugais tradicionais, que poderiam levar anos para serem descobertos, pelo Facebook está a apenas “um clique”, além de o site estimular as pessoas a traírem, por tornar fácil o encontro, opina o especialista Jason Krafsky ao jornal norte-americano. “O Facebook coloca tentação em possoas que nunca teriam coragem de correr o risco de trair.”

via Facebook é citado em mais de 1/3 dos divórcios nos EUA – Radar Pop – Estadao.com.br.

Casamento

Pais influenciam comportamento sexual das filhas

Bons pais exercem grande influência para que suas filhas não tenham comportamento sexual de risco, aponta estudo

Foto: Getty Images Ampliar

Decisões sexuais da menina são influenciadas pelo pai, afirmam pesquisadores

“Quando se trata de garotas e suas decisões sexuais, a influência paterna realmente é importante”, afirma o escritor Bruce J. Ellis, da Universidade do Arizona, em uma publicação universitária.

Ellis e outros pesquisadores analisaram 59 pares de irmãs em famílias onde os pais se separaram e o pai foi embora de casa e 42 pares de irmãs de famílias onde os pais continuavam juntos.

Sexo sem camisinha

Os pesquisadores descobriram que meninas que viveram em um ambiente com pais com boas habilidades paternas eram menos propensas a desenvolver um comportamento sexual arriscado. Enquanto que as meninas que moravam com pais com pouca habilidade, mostravam um comportamento sexual mais arriscado. “Descobrimos que não importava o quanto cada filha tinha vivido ao lado do pai, e sim o que o pai fazia enquanto estava presente”, afirma Ellis.

O estudo observou ainda que no caso das irmãs de pais divorciados, a mais velha passava uma média de sete anos a mais vivendo com o pai do que a irmã mais nova.

Comportamento sexual de risco inclui fazer sexo sem camisinha, ter vários parceiros sexuais, fazer sexo enquanto estava alcoolizada ou drogada e ficar grávida antes dos 19 anos.

viaPais influenciam comportamento sexual das filhas – Filhos – iG.

%d blogueiros gostam disto: