Tag Archive | tecnologia

Mãe rouba mais de 500 jogos de videogame para dar para os filhos

Em um ano, a australiana Rebecca Margaret Johnson afanou 515 títulos para consoles e vários equipamentos eletrônicos.

Rebecca Margaret Johnson, de 32 anos, foi presa na Austrália após tentar roubar mais de 2,5 mil dólares australianos em uma loja de departamentos na cidade de Queensland.

De acordo com o site Kotaku, as autoridades revistavam o apartamento de Rebecca para averiguar mais evidências quando descobriram um verdadeiro um paraíso gamer, com centenas de jogos de videogame roubados. Ao longo de um ano, a mulher, que é mãe solteira de três filhos, furtou 515 títulos para consoles e vários equipamentos eletrônicos de revendedores locais.

Rebecca foi declarada culpada na Corte de Magistrados de Ipswich com 41 acusações de roubo, fraude e posse ilegal de bens. Por ser ré primária, a mãe foi condenada a dois anos em liberdade condicional e 200 horas de serviços comunitários.

A questão é: essa seria a melhor mãe do mundo?

via Olhar Digital: Mãe rouba mais de 500 jogos de videogame para dar para os filhos.

Anúncios

Conheça a primeira cidade do mundo vinculada ao Wikipédia

A cidade de Monmouth, no País de Gales, tornou-se a primeira cidade do mundo integrada com a Wikipédia. O Monmouthpedia, lançado oficialmente no último sábado (19/05), promoveu a instalação de placas com QR Codes em diversos locais para que os visitantes pudessem abrir os artigos correspondentes em vários idiomas na enciclopédia livre.

Monmouthpedia cria integração entre locais da cidade e a Wikipédia (Foto: Reprodução)

Foram necessários seis meses para que o projeto começasse a se tornar realidade. O conceito basicamente girou em torno da instalação de uma cobertura Wi-Fi por toda a cidade, além da criação dos textos explicativos e traduções com a ajuda dos moradores e voluntários.

QR Codes são impressos em placas de cerâmica (Foto: Reprodução)

Mais de 200 empresas, diversas universidades, escolas e grupos comunitários participam do projeto atualmente, ao lado dos museus e instituições parceiras da Wikipédia. A cidade já conta com mais de mil QR Codes em localidades diferentes, impressos em placas de cerâmica.

O líder e idealizador da Monmouthpedia, John Cummings, explica que iniciou o conceito porque acredita que o conhecimento pode ajudar a contextualizar as pessoas, permitindo que elas apreciem melhor as coisas ao redor.

Sob o ponto de vista prático, a integração tecnológica e colaborativa visa contribuir para a atualização rápida e constante de conteúdo, ao contrário do que ocorre com guias e mapas tradicionais.

via Conheça a primeira cidade do mundo vinculada ao Wikipédia – Notícias – TechTudo.

Rastreado por Satelite

Para quem estranhou é assim mesmo o post, maiúscula e sem acento… hehehe

Lâmpada LED da Philips chega às lojas dos Estados Unidos nesta semana

A lâmpada LED da Philips ganhou um concurso em 2007 que premiaria a melhor alternativa às lâmpadas incandescentes de 60 watts. Anos depois – mas ainda em tempo para o Dia da Terra neste domingo – a “L bulb” finalmente chega às vendas nos Estados Unidos.

Em lojas comuns, o produto poderá ser encontrado por 60 dólares, mas com um desconto instantâneo de 10 dólares para consumidores domésticos. A L bulb oferece cerca de 30 mil horas de iluminação LED. Se usada por quatro horas por dia, ela pode durar incríveis vinte anos.

Ainda não há previsão para a chegada da lâmpada da Philips no Brasil.

via Lâmpada LED da Philips chega às lojas dos Estados Unidos nesta semana – Gadgets INFO – Blogs – INFO Online.

Óculos maneiro esse do Google

Como seria um óculos de realidade aumentada? Essa é a versão do Google. Ainda não se sabe quando entrará em produção, mas é muito maneiro.

Como não poderia deixar de ser, sempre tem alguém para zuar a parada. Então, já fizeram um vídeo de como seria o óculos do Google com um monte de propagandas que sempre tem nas páginas do Google.

Tecnologia israelense ‘anti-vândalos’ é testada no estádio do Pacaembu

Uma briga que envolveu cerca de 300 torcedores do Palmeiras e do Corinthians – times que se enfrentam pelo Campeonato Paulista – deixou um jovem de 21 anos morto e outro ferido na manhã de ontem (25/03) em São Paulo. Para tentar diminuir a violência do futebol, ao menos nos estádios, a Federação Paulista, em conjunto com a Polícia Militar de São Paulo, começou ontem mesmo a testar um moderno sistema de monitoramento de estádios.

Por meio de um software israelense de biometria facial, o torcedor tem seu rosto registrado na chegada e passa a ter seu comportamento na arquibancada vigiado à distância por meio do zoom de câmeras de alta definição. O sistema é semelhante a alguns já implantados em estádios europeus. Antes do jogo de ontem, ele já tinha sido utilizado em três partidas este ano (Corinthians x São Paulo, Palmeiras x Ajax e Palmeiras x Oeste), com apoio da Federação Paulista de Futebol e da Polícia Militar.

“Por se tratar de um projeto piloto, perguntamos à Federação e espalhamos seis câmeras nos locais mais sensíveis (onde geralmente ocorrem confusões) do estádio”, explica Anderson Luiz Carvalho, gerente de marketing do Grupo Policom, uma das três empresas envolvidas no projeto, ao lado da Abex Brasil e da NNW. A biometria, utilizada também em grandes eventos, aeroportos e até na fronteira de Israel, é capaz de identificar o torcedor que se envolveu em uma confusão por meio de um vídeo. “Não é necessariamente preciso espalhar câmeras pelo estádio todo. Posso analisar a imagem e, a partir dela, chegar à identificação do suspeito. A ideia é coibir a entrada de brigões nos estádios”, completa.

Para o coronel Marcos Cabral Marinho de Moura, presidente da comissão de arbitragem, a identificação do torcedor servirá para punir os culpados envolvidos nas confusões e pôr fim à sensação de impunidade. “Não tem como fugir do sistema, e quando todas as entradas estiverem vigiadas o problema estará praticamente resolvido”, disse.

A intenção é que, em posse de imagens ao vivo ou gravadas de eventuais confusões – não apenas brigas, mas também roubo de carteiras, uso de drogas –, a polícia construa uma base de dados com torcedores problemáticos reconhecidos a partir de biometria facial. Todas as pessoas são registradas por câmeras de 2 megapixels na entrada e vigiadas com nitidez por outras de 16 e 29 megapixels dentro do estádio.

“Temos hoje uma legislação moderna. O que falta realmente é um serviço de inteligência como esse”, elogiou Paulo Castilho, promotor do Ministério Público de São Paulo. “Precisamos colocar esses marginais, maus torcedores, que na verdade são bandidos, atrás das grades. Isso é uma responsabilidade do Estado”, conclui.

Este tipo de medida já foi utilizada em estádios da Europa e em competições como a Champions League e a Liga Europa.

via Olhar Digital: Tecnologia israelense ‘anti-vândalos’ é testada no estádio do Pacaembu.

Que tal uma experiência com gravidade zero?

Alguns malucos pagaram uma grana para ter uma experiência em gravidade zero. E você, iria? Reparou um cara com a bandeira do Vasco?

Países ‘inimigos da internet’ abrigam 25% da população mundial

Aproximadamente 25% da população mundial vive em países que censuram a internet, essa maravilha tecnológica que os governos autoritários tanto temem, por motivos óbvios. Quase 1,7 bilhão de pessoas moram em países que a organização Repórteres Sem Fronteira considera inimigos da internet. A lista de 2012, recém-divulgada, traz dois novos integrantes:  Barein and Belarus. Eles se juntam ao clube formado por Mianmar, Cuba, Irã, Coreia do Norte, Arábia Saudita, Síria, Turcomenistão, Usbequistão, Vietnã e China. Esta última, com ajuda de companhias ocidentais, criou uma muralha digital (o famigerado Great Firewall of China) que filtra a navegação de mais de 1,3 bilhão de internautas.

Otimistas que somos, torcemos para que a lista do ano que vem tenha menos integrantes. E, se esse blog for longevo o bastante (e os blogueiros idem), esperamos publicar aqui, algum dia, detalhes sobre as discussões da Lei de Acesso às Informações Públicas da Coréia do Norte.

(Daniel Bramatti)

Retirado de: Países ‘inimigos da internet’ abrigam 25% da população mundial

Guia para sobreviver na TI

Guia de sobrevivência na TI

Visto em:  Facebook.

Sacrifício

Isso é que é amor!

Saiu lá de Sacrifício | Vida de Programador.

%d blogueiros gostam disto: